Política

Geraldo Júnior afirma que não é momento para falar de política, mas crava vitória de Bruno Reis nas eleições

02 de Junho de 2020 às 14h31 - Por: Redação PNotícias (@portalpnoticias) Foto: PNotícias
[Geraldo Júnior afirma que não é momento para falar de política, mas crava vitória de Bruno Reis nas eleições ]

Presidente da Câmara Municipal de Salvador foi o entrevistado desta terça no programa PNotícias da Piatã FM

O presidente da Câmara Municipal de Salvador (CMS), Geraldo Júnior (MDB), foi o entrevistado do programa PNotícias da Piatã FM, na manhã desta terça-feira (2). Em conversa com o apresentador Dinho Junior, Geraldo falou sobre o que considera como um desafio enquanto dirigente da Câmara de Vereadores e comentou os possíveis caminhos a seguir durante as eleições 2020. O presidente da CMS ainda se mostrou bastante confiante de que Bruno Reis deve vencer a disputa e  conquistar o cargo de prefeito da cidade de Salvador: “Com certeza vai ganhar”, afirmou. 

Para Geraldo, a relação da sociedade civil com o poder legislativo ainda precisa ser lapidada: “Um dos maiores desafios desde quando eu assumi o comando da Câmara Municipal de Salvador foi estreitar essa relação da sociedade civil, pra população entender o processo legislativo, qual é a capacidade e competência que tem um vereador, de que forma você pode se dirigir a ele, o que lhe dá o direito de buscar em favor desse vereador haja vista que a Câmara de Vereadores é a casa do povo”, pontuou.

“Eu, inclusive, estava acompanhando uma entrevista do professor Edvaldo Brito que ele falava sobre a Câmara de Legislação participativa. Poucas pessoas sabem que qualquer cidadão para propor qualquer gesto ou iniciativa para sua cidade, ele teria que recolher 5% das assinaturas da população da sua cidade. Então para propor um encaminhamento da Câmara Municipal de Salvador, teria que colher 150 mil assinaturas. Nenhum cidadão conseguia prosperar no encaminhamento de uma posição. Então nós criamos essa comissão presidida pelo professor Edvaldo Brito, e aí eu preciso destacar o papel do deputado Antônio Brito, que trouxe de forma verticalizada essa ideia da Câmara dos Deputados. Nós fomos a primeira capital a implantar esse processo aqui e nós temos hoje mais de 300 proposições encaminhadas pela população da cidade, nas suas diversas esferas”, explica. 

“Todos sabem que são 43 vereadores, mas poucas pessoas conhecem todos os vereadores e as funções desses vereadores”, continuou. 

O vereador falou ainda sobre os projetos que vêm sendo preferenciais para a CMS durante a situação de pandemia do novo coronavírus (Covid-19):

“Nós estamos dando um caráter preferencial nos assuntos relacionados à pandemia. Não quer dizer com isso que nós não venhamos estabelecer a votação de outras matérias. Mas a prioridade são para os aspectos relacionados à pandemia. O Executivo já apresentou nesse ano 14 projetos, destes já votamos 10. Uma emenda lei orgânica pra reforma da previdência, projeto de lei complementar à reforma da previdência, o código municipal de Saúde que moderniza o sistema e amplia a possibilidade de atuação da Secretária na pandemia, entre outros”, destacou. 

O presidente da Câmara também garantiu que está trabalhando em prol de um suporte para a categoria de condutores escolares, que não receberam auxílio do governo federal:

“Eu tô brigando por isso. Eu acho que é prioridade máxima acrescentar os transportadores escolares no Salvador Por Todos. É uma medida que não atende às suas expectativas e eu dei uma condição alternativa. Por que não pegarem esse transportadores escolares pra serem contratados temporariamente? Pra servir o processo da Secretaria de Saúde? Transportes de profissionais e de técnicos das unidades de saúde?”, questionou. “Eu acredito e me comprometo que se eu tiver uma posição ainda essa semana sobre essa questão, darei em primeira mão aqui na rádio Piatã”, garantiu. 

Sobre a possibilidade de ser candidato à reeleição para seguir no cargo de presidente da Câmara de Vereadores ou seguir ao lado de Bruno Reis como candidato a vice-prefeito de Salvador, Geraldinho foi taxativo: “Qualquer tipo de especulação acerca dessa minha decisão política não merece prosperar. Eu acho que o ponto mais importante agora é a gente cuidar da vida das pessoas e deixar a política pra um momento mais oportuno”, considerou. 

Apesar de não considerar este o melhor momento para tratar das questões eleitorais, o vereador se mostrou confiante da eleição de Bruno Reis que para ele deve sim alcançar o pódio de prefeito eleito na cidade de Salvador nas eleições 2020. 

“Eu, por convite do prefeito ACM Neto e do vice-prefeito Bruno Reis, me foi dada a oportunidade de escolha de marchar com Bruno Reis como candidato a vice-prefeito nessas eleições, ou concorrer à minha reeleição de presidente da Câmara. Logicamente que quem vota no processo não é o prefeito ACM Neto e nem o vice-prefeito Bruno Reis, que com certeza vai ganhar as eleições e virar o prefeito”, afirmou. 

“Mas como eu tenho certeza da liderança desses dois entes da política baiana, eles já trouxeram a público que na hipótese de eu não enveredar pra você-prefeitura ao lado de Bruno Reis, eles irão declarar de público que se os vereadores da base do governo puderem ouvir o seu acolhimento, eu serei mais uma vez o presidente da Câmara Municipal de Salvador”, concluiu.

Comentários

Outras Notícias

[Mourão diz que desmatamento foi além do aceitável na região amazônica]
Política

Mourão diz que desmatamento foi além do aceitável na região amazônica

13 de Julho de 2020

Queimadas tiveram redução de 20% no 1º semestre, disse vice-presidente

[Ex-advogado da família Bolsonaro diz que Queiroz não teve “mínimo de bom-senso” ao usar imóvel em Atibaia]
Política

Ex-advogado da família Bolsonaro diz que Queiroz não teve “mínimo de bom-senso” ao usar imóvel em Atibaia

13 de Julho de 2020

Wassef afirmou que ajudou o ex-assessor por ter “sensibilidade especial”

[Câmara promove debate sobre transparência dos gastos públicos durante a pandemia]
Política

Câmara promove debate sobre transparência dos gastos públicos durante a pandemia

13 de Julho de 2020

Iniciativa é do secretário de Transparência da Câmara, deputado Roberto de Lucena

[Rodrigo Maia quer deixar presidência da Câmara com reforma tributária aprovada]
Política

Rodrigo Maia quer deixar presidência da Câmara com reforma tributária aprovada

13 de Julho de 2020

Presidente tocará reforma com ou sem Paulo Guedes

[Proposta prorroga isenção da conta de luz para consumidor de baixa renda ]
Política

Proposta prorroga isenção da conta de luz para consumidor de baixa renda

12 de Julho de 2020

Projeto prevê ainda a liberação, no mesmo período, da cobrança do consumo de água igual ou inferior a dez metros cúbicos

[Novo ministro da Educação apaga vídeo com defesa de castigos físicos a crianças]
Política

Novo ministro da Educação apaga vídeo com defesa de castigos físicos a crianças

12 de Julho de 2020

Ele ainda endossa crime de femincídio, atribuindo o ato à louca paixão

Galeria

[Barragem se rompe e inunda ruas da cidade de Coronel João Sá]

Barragem se rompe e inunda ruas da cidade de Coronel João Sá

11 de Julho de 2019

Ver todas as galerias

Vídeos

[Prefeito de Itabuna afirma que reabertura do comércio vai acontecer “morra quem morrer”]

Prefeito de Itabuna afirma que reabertura do comércio vai acontecer “morra quem morrer”

03 de Julho de 2020

Ver todos os vídeos